Corumbaense é 10ª colocada nas Olimpíadas Escolares Brasileiras

Jociane Silva, aluna da Escola Municipal Dr. Cássio Leite de Barros, conquistou o décimo lugar nas Olimpíadas Escolares Brasileiras, na modalidade Xadrez, para jovens de 12 a 14 anos. A enxadrista corumbaense venceu três partidas (contra as jogadoras do Mato Grosso, Paraíba e do Espírito Santo) e perdeu duas. Ela fechou a competição com três pontos ganhos de cinco possíveis, aproveitamento de 60%.

Jociane participou da disputa com apoio da Fundação de Esportes de Corumbá (Funec). Ela é integrante do programa Geração Olímpica, criado e mantido pela Prefeitura Municipal, que incentiva a prática esportiva pelos alunos da Rede Pública de Ensino (Reme). O treinador da Seleção sul-mato-grossense nas Olimpíadas foi Augusto Samaniego, também professor do Geração Olímpica, implementado pelo prefeito Ruiter Cunha de Oliveira (PT) em 2006.

No masculino, Paulo Berti, de Três Lagoas, conquistou o oitavo lugar. Assim como Jociane, ele obteve 3 vitórias – sendo contra São Paulo, Espírito Santo, e Pará – e duas derrotas, para o Ceará e Alagoas. As Olimpíadas Escolares são o maior evento estudantil esportivo do Brasil. O evento é realizado em duas etapas, com faixas etárias distintas. A de 12 a 14 anos conta com a disputa de 12 modalidades: atletismo, badminton, basquete, ciclismo, futsal, ginástica rítmica, handebol, judô, natação, tênis de mesa, vôlei e xadrez.

A de 15 a 17 anos, também tem 12 modalidades, inclui o taekwondo, mas não conta com o badminton. Durante os dias de disputa, há também uma programação intensa direcionada aos participantes, com uma série de atividades culturais, educativas e sociais. A programação das oito modalidades individuais, realizada em João Pessoa, na Paraíba, terminou na segunda-feira (12).

Durante nove dias, mais de 3.900 participantes, entre eles cerca de 3.300 jovens atletas de 12 a 14 anos, participam da competição. As Olimpíadas Escolares são organizadas e realizadas pelo Comitê Olímpico Brasileiro, correalizadas pelo Ministério do Esporte, com a direção técnica das Confederações Brasileiras Olímpicas e apoio da Prefeitura Municipal de João Pessoa e Governo do Estado da Paraíba.