Escola de Governo capacita servidores em Gestão por Processo

A Prefeitura de Corumbá, por meio da Secretaria de Gestão Governamental e da Escola de Governo (Egov), concluiu nesta terça-feira (16) a capacitação voltada aos gestores de todas as secretarias a autarquias da Administração Municipal. O curso de aperfeiçoamento tem como objetivo melhorar a qualidade do serviço prestado pelos servidores públicos municipais à população, uma das metas determinadas pelo prefeito Ruiter Cunha de Oliveira (PT) com a implantação da instituição.

Com o tema "Gestão por Processo", a qualificação enfocou a apresentação de projetos para captação de recursos, melhoria na gestão de processos e na rotina de cada órgão, além do mapeamento desses procedimentos. Os gestores também serão capacitados a montar uma carteira de cursos para atender as necessidades levantadas pelo mapeamento dos processos e, desta forma, propor melhorias para o bom andamento dos trabalhos.

Cerca de 70 servidores do Município passarão pela capacitação, ministrada por consultores do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac), com apoio do Escritório de Projetos, outra ferramenta implementada na atual administração, responsável pela captação e gerenciamento de recursos por meio de convênios com outras instituições. A atividade ocorreu na noite de segunda e terça-feira no Centro de Convenções do Pantanal Miguel Gómez.

Egov

Criada pelo decreto nº. 866, de 27 de dezembro de 2010, a Escola de Governo de Corumbá tem a finalidade de promover o desenvolvimento sociocultural e profissional de recursos humanos para a Administração Pública. A instituição foca sua atuação na qualificação profissional de agentes comprometidos com os valores da ética, da democracia, da eficiência e da equidade, para que sejam capazes de exercer funções de formulação de diretrizes e políticas governamentais, implementação e gerenciamento das políticas públicas de governo.

A Egov ainda contribui para a formação de novas lideranças da sociedade civil, que podem intervir, com conhecimento de causa, no debate sobre as políticas públicas e atendimentos ao cidadão, e atuar como centro de produção e difusão de idéias, de conhecimento e de inovações sobre cidadania e gestão pública e social. Tudo isso através da reflexão e estimulo ao debate sobre temas ligados à atuação do Município e da sociedade civil no campo das políticas sociais, envolvendo, organizações comunitárias, ONGs e instituições públicas.