Concluído, CRAS vai atender 800 famílias do conjunto Ana Brites

Não basta apenas garantir moradia digna para quem precisa. Em Corumbá, além da casa própria, a Prefeitura Municipal está assegurando também uma série de benfeitorias às famílias do conjunto habitacional Ana de Fátima Brites Moreira, entre elas, um Centro de Referência da Assistência Social (CRAS), unidade de saúde, centro de educação infantil, praça esportiva, além de outros equipamentos urbanos que integram o PAC Casa Nova, com 800 unidades habitacionais, em fase final de construção no bairro Guatós.

O novo conjunto é fruto de uma parceria com o Governo Federal por meio do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 1). Os investimentos somam R$ 28.525.000, sendo R$ 24.246.250 oriundos da União, repassados pelo Ministério das Cidades, e outros R$ 4.278.750 de contrapartida municipal, fruto da arrecadação de impostos que a população paga. Somente no prédio do novo CRAS, foram investidos R$ 592.029,30.

O prédio já está concluído. Terá 745,12 metros quadrados de área, com espaços para cursos diversos, atividades físicas, área para crianças com idade entre 0 e 6 anos, salas para atendimentos psicológicos e assistência social, secretaria, administração, banheiros masculino e feminino, auditório para 72 pessoas sentadas, além de completa urbanização e aparelhos de acessibilidade. Será responsável pela inclusão social das 800 famílias do novo conjunto habitacional. As primeiras 274 já estão residindo no local. A estrutura permitirá o desenvolvimento de programas sociais também para quem reside na área de entorno.

O novo CRAS será administrado pela Secretaria Municipal de Assistência Social e Cidadania. Foi erguido em uma área de 1.220,35 metros quadrados e está localizado na Rua José de Barros Maciel, esquina com a 21 de setembro. Integra um grande projeto que está sendo implantado em uma área equivalente a 13 quadras. Cada uma contará com 68 casas, com drenagem e pavimentação asfáltica, além de uma área verde no centro, para atender a comunidade local. Quatro lotes serão destinados ao comércio.

No local Prefeitura está construindo as últimas moradias do grande conjunto, que conta com drenagem e pavimentação asfáltica, além da praça de esportes e lazer, tudo para reduzir déficit habitacional e levar uma série de benefícios, principalmente social, a uma população estimada de 7,2 mil pessoas que irão usufruir dos equipamentos previstos em amplo projeto de apoio à urbanização de assentamentos precários, atendendo famílias do bairro Cravo Vermelho III, conjunto Tiradentes, Loteamento Pantanal, Lar Doce Lar, Generoso, Cervejaria e Beira Rio.