Equipe do Projeto Rondon participa de edição do Povo das Águas

Programa Social desenvolvido pela Prefeitura de Corumbá em prol dos ribeirinhos pantaneiros contará com um importante aliado em sua 11ª edição, que começa nesta segunda-feira (18). O Povo das Águas nesta semana leva uma série de atendimentos aos moradores da parte alta do Pantanal e terá a participação de uma equipe de estudantes e professores do Projeto Rondon, integrantes da operação especial Rio Paraguai. A comitiva vai atuar com ações de cidadania e auxiliar o Município a levar diversos benefícios às famílias em situação de vulnerabilidade social.

A equipe da Prefeitura de Corumbá, que atua no Povo das Águas, partiu rumo a parte alta do pantanal na noite deste domingo (17). A Operação Especial Rio Paraguai será realizada na calha do Rio Paraguai nas regiões Norte – a qual integra a ação social do Município – e Sul para os moradores de Forte Coimbra. A ação do Projeto Rondon será realizada até o dia 31 de julho e terá como foco as populações ribeirinhas. São 40 rondonistas de quatro instituições de Ensino Superior, divididos em duas equipes. Entre as atividades que irão realizar nas regiões pantaneiras estão as relacionadas à saúde; educação; meio ambiente; tecnologia social e produção rural. Durante o tempo que as equipes do Projeto Rondon estiverem no rio Paraguai, a prefeitura vai dar todo o apoio e auxílio necessário.

Os atendimentos do programa social do Município, Povo das Águas, começaram nesta segunda-feira (18) no Porto Maracangalha, na região de São Domingos Ramos, parte alta do Pantanal corumbaense. As equipes da Prefeitura disponibilizam aos moradores vários serviços médicos, odontológicos, sociais e educacionais. Lonas, cestas básicas, kits verdura, casacos e mantas serão entregues, em caráter emergencial, às famílias. Na terça-feira, dia 19, a ação começa no Porto Zequinha, na região do Castelo, também a partir das 8 horas. No dia seguinte, a equipe estará na Escola Municipal Rural Pólo Porto-Esperança Extensão Paraguai Mirim durante o período da manhã. Pela tarde, os trabalhos serão realizados no Porto São Pedro, a partir das 15 horas.

No dia 21, os profissionais chegam ao Porto Sete de Setembro, no Rio São Lourenço, e na Escola Municipal Rural Pólo Porto Esperança-Extensão São Lourenço. Nos dois locais, a ação começa às 8 horas. Neste ano, esta será a segunda vez que o Povo das Águas beneficia os moradores da parte alta do Pantanal corumbaense. Em maio, no auge da cheia da planície pantaneira, a Prefeitura atendeu 153 famílias. O Programa Social é coordenado pela Secretaria Especial de Integração das Políticas Sociais e envolve as secretarias municipais de Saúde, Educação, Assistência Social e Cidadania, Defesa Civil e a Fundação de Meio Ambiente e Desenvolvimento Agrário. Na última edição da ação na parte alta do rio Paraguai, 153 famílias foram atendidas. Mais de 20 profissionais levam benefícios para a população ribeirinha.