Corumbá receberá mais 3 ônibus escolares para atender zona rural

A Prefeitura de Corumbá foi contemplada com mais três novos ônibus escolares para ampliar a frota de veículos que transportam gratuitamente os alunos das escolas da Rede Municipal de Ensino (Reme) na zona rural. Os recursos, que totalizam R$ 615,7 mil, são provenientes do Fundo Nacional para o Desenvolvimento da Educação (FNDE) e R$ 6,2 mil de contrapartida do Município, totalizando R$ 622 mil em investimentos para a renovação dos ônibus que atendem cerca de 2 mil estudantes.

A aquisição dos novos ônibus, sendo um de 31 lugares e dois de 44, está em fase de licitação. A Prefeitura estima que até o segundo semestre de 2011 eles já estejam integrando a frota que atende as escolas do campo de Corumbá. Atualmente, o Município dispõe de 13 ônibus para o transporte dos cerca de 2 mil alunos das escolas rurais do Paiolzinho, no assentamento Paiolzinho e Tamarineiro II; Monte Azul, no Taquaral; Eutrópia Gomes Pedroso, no Tamarineiro I; Carlos Cárcano, no Urucum, e Luis de Albuquerque, no Distrito de Albuquerque e região.

Os recursos são do FNDE/MEC e fazem parte de um pacote de R$ 23,9 milhões que o Governo Federal está investindo na educação de Mato Grosso do Sul. Os novos ônibus fazem parte do programa Caminhos da Escola, criado em 2007 com o objetivo de renovar a frota de veículos escolares em todo o Brasil. Todos devem atender as normas estabelecidas pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran). O anúncio prevê também R$ 510 mil para aquisição de móveis para as escolas de Corumbá.

Gradativamente, a frota de ônibus escolares da Prefeitura está sendo renovada, proporcionando maior segurança no transporte de crianças e adolescentes de suas residências até as escolas localizadas na zona rural. Em março de 2009, foram entregues seis novos ônibus escolares para atendimento a alunos da zona rural, com capacidade para 36 pessoas, adaptados para o transporte de alunos com necessidades especiais. Em julho do mesmo ano, mais três veículos foram integrados à frota, com capacidade para 23, 31 e 44 pessoas, também com adaptações.