IFMS inicia atividades em sete municípios com 2,4 mil alunos

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul (IFMS) inicia as atividades escolares em sete municípios nesta segunda-feira, dia 21. Para o ano letivo de 2011, a instituição ofereceu nove opções de cursos técnicos de nível médio, além da educação a distância e o ensino superior. Cerca de 2,4 mil alunos serão atendidos em Aquidauana, Campo Grande, Corumbá, Coxim, Nova Andradina, Ponta Porã e Três Lagoas.

"Daremos início às atividades, mesmo em locais provisórios, com a finalidade de atender à comunidade com uma ampla oferta de cursos de educação profissional e tecnológica, que garantem a formação técnica e habilita o estudante para o mercado de trabalho", explica o reitor do IFMS, professor Marcus Aurélius Stier Serpe. Os cursos técnicos de nível médio, também conhecido como ensino médio profissionalizante, têm duração de três anos e meio.

Para o 1° semestre de 2011, o IFMS abriu turmas nas áreas de Agricultura, Agropecuária, Alimentos, Edificações, Eletrotécnica, Informática, Mecânica, Metalurgia, Suporte e Manutenção em Informática, este último para a educação de jovens e adultos. As seleções para o ingresso na instituição são semestrais. A educação a distância é oferecida em cinco municípios, em parceria com o Instituto Federal do Paraná.

Destinado aos que concluíram o ensino médio, os cursos em andamento são técnico em Administração, Secretariado e Serviços Públicos. Em Corumbá, as aulas acontecem no Espaço Educacional, na rua Delamare, 1557, no Centro. As aulas serão oferecidas no piso superior, ocupado antigamente pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE/MS), adequado para abrigar as salas de aula para os cursos. O local será a sede do Campus de Corumbá do IFMS enquanto a instituição constrói a sede própria na cidade, já em andamento.

A obra está orçada em R$ 6 milhões, recursos viabilizados pelo deputado federal Antônio Carlos Biffi (PT/MS). A doação da área foi formalizada pelo prefeito Ruiter durante encontro com o reitor Marcus Aurélius. A previsão é abrir, nos primeiros quatro anos, entre 1,2 mil e 1,5 mil vagas. Neste ano, os cursos oferecidos pelo IFMT no município são de Técnico em Metalurgia, Técnico em Informática, Técnico em Manutenção e Suporte em Informática.