Durante festa, Corumbá intensifica campanha contra abuso sexual

A partir desta semana, Corumbá vai intensificar o combate ao abuso sexual contra crianças, adolescentes e mulheres. A campanha Brinque Legal neste Carnaval sem Violência Sexual tem o objetivo de envolver e sensibilizar toda a sociedade, por meio da prevenção, sobre a relevância do tema. Neste período de festa, tende a aumentar o contato sexual com uso da força, da intimação, coerção, chantagem, do suborno, manipulação, ameaça e outros mecanismos que anulam ou limitam a vontade pessoal. Daí a necessidade de conscientizar a população para denunciar e combater este tipo de crime.

A campanha é uma iniciativa da Rede de Enfrentamento à Violência Sexual, formada pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher, Conselho Tutelar, Fórum Permanente de Entidades Não Governamentais de Corumbá e Ladário (FORUMCORLAD), e a Comissão Municipal de Enfrentamento a Violência de Crianças e Adolescentes (PAIR), em parceria com a Prefeitura de Corumbá.

A partir de sábado, diversas ações serão realizadas em vários pontos da cidade. Nas noites de folia, equipes da Rede de Enfrentamento farão panfletagens e a entrega de materiais de divulgação na avenida General Rondon. Na terça-feira de Carnaval (08), quando também será celebrado o Dia Internacional da Mulher, o Bloco das Bruxinhas vai desfilar pela passarela do samba em homenagem às mulheres pantaneiras.

No município, qualquer pessoa pode denunciar uma situação de violência contra crianças ou adolescentes pelo telefone do Creas: 3231-4423; do Conselho Tutelar: 0800-647-4488; Delegacia de Atendimento a Infância, Juventude e Idoso (Daij): 3907-5124; e pelo Disque Denúncia: 100. Em caso de violência contra a mulher, o telefone da Delegacia de Atendimento a Mulher (DAM) é 3907-5139.

As delegacias especializadas funcionam até às 18 horas, de segunda a sexta-feira. A partir deste horário e nos finais de semana o plantão é feito pelo 1º Distrito Policial, no telefone 3234-7100. Para não permitir que a violência sexual ocorra, denunciar é fundamental. O lançamento da campanha Brinque Legal neste Carnaval sem Violência Sexual aconteceria nesta sexta-feira (18), na Praça da Independência, mas será realizada em nova data.