Procon pesquisa preços de produtos da ceia de Natal na cidade

A Gerência Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor de Corumbá (Procon) realizou uma pesquisa de mercado nesta segunda e terça-feira (6 e 7), fazendo levantamento de preços de 44 itens consumidos pela população, na ceia de Natal. O levantamento foi feito nos principais supermercados da cidade, e a maior variação detectada foi de 212,62%, relacionada a frutas cristalizadas (cubinho) de um quilo, com uma diferença de R$ 4,91 entre os estabelecimentos pesquisados.

A informação é do gerente do Procon de Corumbá, advogado Alexandre Carmo Taques Vasconcelos. Conforme ele, a equipe realizou a pesquisa nos três maiores supermercados da cidade e, entre os 44 itens estão carnes, castanhas e nozes, frutas secas, panettone, chocottone e bebidas, todos com marcas pré-definidas.

Alexandre observa que a comparação de preços foi efetuada somente entre os itens encontrados em dois ou mais estabelecimentos. Cita ainda que os estabelecimentos trabalham com uma variedade muito grande de marcas de produtos, com pesos diferentes. "Isto acaba inviabilizando a comparação de preço, já que as mesmas marcas não são encontradas em todos os supermercados, principalmente com relação a frutas secas, castanhas e nozes", disse.

Produtos

No setor de carnes foram pesquisados pernil temperado com osso, da Seara, que apontou uma variação de 25,66%. O maior preço encontrado foi de R$ 19,98, e o menor R$ 15,90, uma diferença de R$ 4,08 de um estabelecimento para o outro. Peru temperado Seara, variação de 8,21%, R$ 10,80 o maior preço e R$ 9,98 o menor, diferença de R$ 0,82. Peru temperado Rezende, variação de 14,85%, R$ 10,90 o maior preço, e R$ 9,49 o menor. Diferença de R$ 1,41. Já o frango congelado Bello, a variação foi de 0,75%. O maior preço encontrado foi de R$ 3,98, e o menor R$ 3,95, diferença de R$ 0,03.

Entre as Amêndoas e Nozes, as diferenças de preço para nozes sem casca kg, marca própria, a pesquisa apontou variação de 35,69%, sendo R$ 58,35 o maior preço, e R$ 43,00 o menor, diferença de R$ 15,35. Nozes com casca 1kg, marca própria, variação de 2,78%, com o maior preço de R$ 20,35, e o menor de R$ 19,80, diferença de R$ 0,55. Amêndoas com casca, variação de 7,99%, R$ 16,90 o maior preço e R$ 15,65 o menor. Diferença de R$ 1,25.

Entre as frutas secas, as maiores diferenças de preço constatadas foram: frutas cristalizadas cubinho 1kg, marca própria, variação de 212,62%. Maior preço encontrado foi de R$ 6,19, e o menor R$ 1,98, diferença: R$ 4,91.

Entre os panettones, a varioação para o Nestlé 500g foi de 19,49%, com maior preço ficando em R$ 17,90, e o menor R$ 14,98, diferença de R$ 2,92. Panettone Pullman 500g, variação de 27,45%, R$ 13,00 o maior preço e R$ 10,20 o menor, diferença: R$ 2,80. Panettone Triunfo 500g, variação de 7,94%, R$ 11,00 o maior preço e R$ 10,19 o menor, diferença de R$ 0,81. Panettone Arcor 500g, variação de 7,94%, com R$ 11,00 o maior preço e R$ 10,19 o menor, diferença de R$ 0,81.

Pesquisa apontou variação de 4,96% do panettone Noel 400g, com o maior preço de R$ 6,98, e o menor de R$ 6,65, uma diferença de R$ 0,33. Panettone Tomy 400g, variação de 1,52%, R$ 5,98 o maior preço e R$ 5,89 o menor, diferença de R$ 0,09. Panettone Original Bauducco 750g, variação de 7,94%, maior preço de R$ 22,00, e R$ 17,75 o menor, uma diferença de R$ 0,81.

Panettone Original Bauducco 500g, variação de 4,95%, R$ 12,49 maior preço, R$ 11,90 o menor, diferença de R$ 0,59. Panettone 1kg lata, marca Bauducco, variação de 1,56%, R$ 29,15 maior preço e R$ 28,70 o menor, diferença de R$ 0,45.

Entre os chocottones, o de 750g lata, marca Bauducco, apontou variação de 2,77%, com R$ 25,59 o maior preço e R$ 24,90 o menor, diferença de R$ 0,69. Chocottone Maxi 500g, marca Bauducco, variação de 45,26%, sendo R$ 19,85 o maior preço e R$ 17,75 o menor diferença de R$ 2,10.

Já bebidas, a Sidra 660ml, marca Pullman, variação foi de 20,73%, com R$ 4,95 o maior preço e R$ 4,10 o menor, diferença de R$ 0,85. Chuva de Prata 660ml aperitivo de uva rosada e maçã, variação de 20,62%, sendo o maior preço R$ 7,78, e o menor R$ 6,45, diferença: de R$ 1,33.

O Procon informa ainda que a relação dos produtos com seus preços e respectivos estabelecimentos, estão à disposição da população na sede do órgão, na rua Quinze de Novembro, 400, centro de Corumbá, na Casa da Cidadania, onde uma equipe composta por oito servidores está à disposição da população. Os consumidores também podem receber informações pelos telefones 3907-5431 e 3907-5332.