Aniversário de Corumbá começa com missa celebrando avanços

No início da manhã desta terça-feira (21), data em que se comemora os 232 anos da fundação de Corumbá, as celebrações começaram, como de costume, com uma missa na Igreja Nossa Senhora da Candelária. A homilia teve o objetivo de agradecer a Deus pelos grandes avanços conquistados ao longo desses mais de dois séculos de existência da cidade e também de pedir para que mais realizações aconteçam. Destacando a presença dos prefeitos de Corumbá, Ruiter Cunha de Oliveira, e de Ladário, José Antonio Assad e Faria (ambos do PT), o padre Celso agradeceu os participantes e salientou o período de pleno desenvolvimento que o município pantaneiro vive.

"Corumbá não parou no tempo, está muito à frente disso. Estamos em festa pelo aniversário da cidade e por ver que reformas em escolas e creches, saneamento e outras obras estão dando mais conforto ao povo corumbaense, além de outras realizações", comentou o pároco, informando que a igreja matriz também passa por reformas, com pintura nova e restauração da cor original das portas frontais. Ele também ressaltou a parceria com o prefeito de Ladário, "importante para o desenvolvimento das cidades irmãs". A missa teve duração de cerca de uma hora, terminando com a apresentação de um vídeo ao som do Hino de Corumbá e o parabéns à cidade, com direito a bolo.

Ruiter e a primeira-dama Beatriz Cavassa de Oliveira, secretária especial de Integração das Políticas Sociais foram presenteados por padre Celso. Segundo o prefeito corumbaense, o momento era de festa: "A missa em celebração ao aniversário do município é prioridade desde o meu primeiro ano de mandato. É um momento de agradecimentos por tudo o que conquistamos ao longo desses anos e também de pedir proteção para as próximas realizações", frisou, lembrando que o País está a duas semanas da eleição, momento em que todos os eleitores devem ter responsabilidade na hora de escolher os governantes.

A missa foi prestigiada também pelo vice-prefeito de Corumbá, Ricardo Éboli (PMDB), e pelos secretários Carlos Porto (Relações Institucionais), Luciene Deová (Meio Ambiente), Luiz Mário Preza Romão (Habitação e Regularização Fundiária), Maria Antonieta Sabatel (Ações Sociais), Silvana Ricco (Agetrat), José de Carvalho Junior (superintendente de Turismo); Heloisa Helena da Costa Urt (superintendente de Cultura), contra-almirante Domingos Sávio Nogueira, comandante do 6º Distrito Naval; e general-de-brigada Álvaro Gonçalves Wanderley, comandante da 18ª Brigada de Infantaria de Fronteira;juiz Roberto Ferreira Filho, diretor do Foro de Corumbá; e Lamartine de Figueiredo Costa, presidente da Junta Interventora do Hospital de Caridade de Corumbá.