Brigadistas combatem queimadas na região sul de Corumbá

Integrantes da Brigada Prevfogo vão iniciar o combate a queimadas que estão ocorrendo na região sul de Corumbá. É o que informa o chefe da unidade, Gleick Santana Galeano, adiantando que, dos 36 focos existentes hoje na região, 20 estão localizados no sul do município, principalmente nas localidades do Buraco das Piranhas e Nabileque. “Estamos seguindo para o Buraco das Piranhas para avaliar a situação e combater os incêndios”, disse.

Gleick adiantou que a situação em Corumbá é crítica e se não bastassem os focos no município, a região está sofrendo também as consequências de queimadas em outros estados, como Mato Grosso e Rondônia, além da Bolívia. “O trabalho está sendo intenso este mês. Estamos sofrendo também com as queimadas que acontecem em outros estados no norte, e até na Bolívia. Hoje, para se ter uma ideia, estamos com oito integrantes da nossa brigada auxiliando o combate a incêndios em Rondônia”, comentou.

A preocupação com a região sul do município se deve principalmente ao fato de que os incêndios já destruíram até pontes de madeiras. “Infelizmente, são queimadas ocasionadas pelos próprios fazendeiros, que perderam o controle, causando sérios problemas. Estamos indo para lá para avaliar a situação e iniciar o combate”, afirma.

Outra informação é que a brigada está com apenas 12 integrantes. Além dos oito que estão em Rondônia, sete realizam um trabalho na região da Serra do Amolar. “É um trabalho preventivo. Ainda não estamos com focos na região, mas já estamos nos prevenindo para evitar o que já ocorreu anteriormente”, observou.

Antônio Carlos – Subsecretaria de Comunicação Institucional