Igreja é fundamental para o fortalecimento da família, diz Duarte

A Igreja Católica tem um papel fundamental para o fortalecimento da família e contribui decisivamente para o enfrentamento da violência. A opinião é do deputado estadual Paulo Duarte (PT) que, na noite desta quinta-feira (9), participou da solenidade de lançamento do Brasão da Diocese de Santa Cruz de Corumbá, e da abertura da exposição de fotografias, em comemoração ao primeiro centenário da instituição, a mais antiga de Mato Grosso do Sul.

Conforme o parlamentar, a presença da Igreja na região tem contribuído de forma decisiva para o engrandecimento da comunidade, principalmente em um momento delicado como os dias atuais, quando se tenta “terceirizar a responsabilidade da família”, quando ela própria teria que participar de forma mais ativa no combate à violência.

Duarte elogiou o trabalho da Igreja na região pantaneira, por pregar uma “sociedade mais justa e equilibrada”, para o que é preciso haver a presença da família, “a base de tudo”. No entender dele, a Igreja tem uma participação fundamental na luta contra esta terceirização, e o fortalecimento da instituição está contribuindo para que a “família cumpra o seu papel na luta por uma sociedade mais justa”.

A secretária de Integração de Políticas Sociais de Ladário, Gisele Saab Assad, representou o prefeito daquele município, José Antônio Assad e Faria (PT). Ela ressaltou que as comemorações são “motivo de júbilos para todos” e que, nestes 100 anos, a Diocese protagonizou a história da região, e está revivendo o passado e fomentando o presente. Para a primeira dama ladarense, a Igreja Católica cumpre um papel importantíssimo para o “crescimento de nosso povo, para vencer os obstáculos, além de desenvolver ações marcantes em atendimento à família”.

Homenagens

Durante a cerimônia, a Diocese de Santa Cruz prestou homenagens às pessoas, instituições e empresas que contribuem para o fortalecimento da Igreja em Corumbá e Ladário. Entre os homenageados, os prefeitos de Corumbá, Ruiter Cunha de Oliveira, e de Ladário, José Antônio Assad e Faria. Ambos foram agraciados com diplomas, juntamente com o general Roberto Jungthon, comandante da 18ª Brigada de Infantaria de Fronteira, que acaba de deixar o cargo; o contra-almirante Edlander Santos, comandante do 6º Distrito Naval; o padre Ernesto Sassida; além de instituições civis e religiosas, e empresas das duas cidades.

Antônio Carlos – Subsecretaria de Comunicação Institucional