Circuito “Direito de ter Direitos” oferece nova palestra hoje

Voltado aos moradores que integram a sexta etapa do programa Se Essa Rua Fosse Minha, o Circuito de Palestras “Direito de ter Direito” prossegue às 15 horas desta quinta-feira (15). O evento será no plenário do Tribunal do Juri Barnabé Antônio Gondim, com organização da Subsecretaria de Ações Cidadania, por meio das gerências de Articulação de Políticas Públicas para a Mulher, de Promoção da Igualdade Racial, de Ações da Juventude e de Trabalho e Capacitação Profissional. O palestrante é o promotor Ricardo Melo Alves, que vai abordar o tema “Ministério Público – Os caminhos de valer nossos Direitos”.

Na abertura do circuito, realizada na semana passada, 35 jovens inseridos no programa Projovem Adolescente do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS II) participaram da palestra proferida pelo juiz Roberto Ferreira Filho. O magistrado abordou o tema “Juventude – Vítima ou agressora?”. “Durante todo mês de abril, vamos debater questões voltadas aos direitos de todos os cidadãos, enfatizando também seus deveres como membro de uma sociedade democrática”, afirmou a gerente de Políticas para a Mulher, Cristiane Sant’Anna, e coordenadora do Circuito “Direito de ter Direitos”.

O projeto Se Essa Rua Fosse Minha é coordenado pela Secretaria Especial de Integração das Políticas Sociais e realizado com recursos do Fundo Municipal de Investimento Social (FMIS). Somente nesta sexta etapa, estão sendo pavimentados 20.498 metros quadrados de vias públicas, perfazendo um total de 2.905 metros de extensão, beneficiando moradores de 20 ruas e alamedas da área urbana de Corumbá. Os trabalhos continuam intensos, principalmente com relação à fabricação das lajotas, reforçada após a aquisição de uma nova máquina.

Rodrigo Nascimento – Subsecretaria de Comunicação Institucional