Culinária Pantaneira abre novas perspectivas aos corumbaenses

Clóvis Neto
 

Curso do PAC-Sonho Meu capacitou 33 pessoas, que agora “estão todas aptas a trabalhar com a culinária pantaneira”

Crepre à Moda Pantaneira, feito com carne seca; Batata Recheada com Pintado; Moranga com Carne Seca; Linguiça com Pequi e Arroz; e Moqueca de Peixe. Estes foram apenas alguns dos pratos apresentados durante a formatura, na tarde desta quarta-feira (17) do curso de Culinária Pantaneira, promovido pela Prefeitura de Corumbá em parceria com o Governo Federal. Ao todo, 33 pessoas concluíram a capacitação, oferecida gratuitamente para as famílias que moram na região beneficiada pelo PAC-Sonho Meu (Programa de Aceleração de Crescimento).

“Além de levar a infraestrutura aos bairros Cristo Redentor, Popular Velha, Popular Nova, Aeroporto e ao centro, o Sonho Meu também promove a qualificação desses moradores por meio de diversos cursos de geração de renda. E a Culinária Pantaneira foi o mais procurado deles”, explicou a coordenadora social do PAC, Elaine da Silva Fernandes. Os alunos receberam 160 horas/aula ministradas pela culinarista Lídia Leite, do núcleo de gastronomia da Vila Moinho. Além da confecção de pratos regionais, eles também aprenderam a manusear e processar os alimentos de forma correta.

“Todos vocês estão aptos a atuar na área”, garantiu a professora. Entre os formandos, quatro são homens. “Sempre gostei de cozinhar. Na época do exército, eu trabalhava no rancho. Decidi aproveitar esta oportunidade para aperfeiçoar meus conhecimentos”, contou o militar reformado Ronaldo Esquer, 47 anos. “Por isso, agradeço a todas as autoridades por terem me proporcionado essa possibilidade”, completou.

Também militar da reserva, Márcio Freitas Filho, 42 anos, nunca trabalhou com culinária, mas disse que cozinhar é um de seus prazeres. “Agora pretendo entrar neste ramo”, disse. A capacitação provocou mudanças também dentro de seu convívio familiar. “Agora eu sou o cozinheiro oficial da minha casa”, brincou. Os outros homens que completaram a qualificação são Carlos Alexandre de Jesus Chaves, 21, e Fabiano Marques, 30 anos.

Após o recebimento dos certificados, houve a degustação dos pretos preparados durante o curso. O subsecretário de Serviços Públicos, Sérgio Baruki, e a subsecretária de Obras Públicas, Tânia Dantas, representaram o prefeito Ruiter Cunha de Oliveira (PT) na ocasião.

Mais capacitações

Nesta sexta-feira (19) será realizada a entrega dos certificados das turmas dos cursos Bolsas Criativas e Corte e Costura, dos beneficiários do PAC-Sonho Meu dos bairros Cristo redentor e Popular Velha. O evento ocorre às 15 horas no Instituto Homem Pantaneiro (IHP).

Por meio dos projetos Saneamento Integrado I e II, o PAC-Sonho Meu está resultando em investimentos de R$ 28,1 milhões em Corumbá. Os recursos estão sendo aplicados na implantação de 8.430 metros de drenagem; 122 mil metros quadrados de asfalto (76 quadras); construção de um parque urbano no Bairro Popular Velha, com 8,4 hectares; construção de uma escola para 1,2 mil alunos no bairro Aeroporto; construção de creche e reforma e ampliação da praça de esportes do bairro Cristo Redentor. Ao todo, 3,6 mil famílias estão sendo beneficiadas diretamente.

Rodrigo Nascimento – Subsecretaria de Comunicação Institucional