Crianças guatós serão contempladas com ensino pré-escolar

Clóvis Neto
 

Hélio lembrou que a solicitação havia sido feita ao prefeito Ruiter, que determinou estudos para atender a população indígena

A Prefeitura de Corumbá está levando educação pré-escolar para dezesseis crianças com idade entre três e cinco anos e residentes na Aldeia Uberaba, localizada na Ilha de Ínsua, distante 350 quilômetros – por água – da sede município. Os detalhes foram fechados em uma reunião realizada na manhã desta terça-feira (30), na Secretaria Executiva de Educação, com lideranças indígenas guatós, em cumprimento a uma orientação do prefeito Ruiter Cunha de Oliveira (PT).

“O assunto já está sendo levado ao Conselho Municipal de Educação, visando à aprovação, em regime de urgência, para que, agora em abril, possamos iniciar o ano letivo em atendimento aos filhos dos guatós que residem na aldeia”, explicou o secretário executivo Hélio de Lima, que coordenou o encontro com o cacique Severo Ferreira e sua esposa Dalva Ferreira.

Hélio adiantou que a solicitação havia sido feita diretamente ao prefeito Ruiter, que determinou estudos para atender a população indígena. “Já estamos tomando todas as providências necessárias para implantar a educação pré-escolar na Aldeia Uberaba. Resta somente a aprovação do Conselho e a indicação de uma professora, o que será feito pela própria população guató”, adiantou.

A intenção é iniciar o ano letivo já no início de abril. “A escola existente na aldeia é do Estado, mas estamos abrindo uma sala para atender a pré-escola, que será a extensão Duque de Caxias, ligada à Escola Municipal Polo Porto Esperança”, comentou o secretário, informando ainda que a prefeitura já está disponibilizando o material didático, além de mesas e cadeiras para atender as crianças.

Hélio lembrou que esta é mais uma ação em favor do povo guató da administração do prefeito Ruiter, que tem levado assistência periódica à tribo, como a Ação Prefeito Presente, atendimento médico por meio da Estratégia de Saúde da Família (ESF), além de fomentar a cultura daquele povo, especialmente por meio do artesanato guató. A reunião contou com presença da equipe técnica da Secretaria Executiva de Educação, além de outros integrantes da Nação Guató e representantes do Conselho Tutelar.

Antônio Carlos – Subsecretaria de Comunicação Institucional