Corumbá faz alerta nas comemorações do Dia Mundial da Água

Gesiel Rocha
 

Maior cidade pantaneira banhada pelo Rio Paraguai, Corumbá tem sua história e trajetória marcadas pela profunda relação com a água

A Prefeitura de Corumbá está aproveitando as comemorações da Semana da Água para chamar a atenção da população para a responsabilidade de todos na gestão dos recursos hídricos. A ideia é fazer com que a comunidade pantaneira reconheça os problemas provocados pelo uso inadequado do produto, considerado um bem finito, além de contribuir para consolidação dos princípios democráticos da Lei Federal 9.433/97, conhecida como Lei das Águas.

As ações estão a cargo da Secretaria Executiva de Meio Ambiente, ligada à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Integrado, e parceiros como as secretarias executivas de Infraestrutura e Serviços Urbanos, Saúde Pública e de Educação, Fundação de Cultura e Turismo do Pantanal, Marinha do Brasil, Fundação O Boticário, MMX, Sanesul, Moinho Cultural Sul-Americano, Embrapa Pantanal, ECOA, Vale e Instituto Homem Pantaneiro.

Neste ano, o tema da campanha é “Água Limpa para um Mundo Saudável”. A programação foi aberta na quinta-feira (18), no Eco Parque Cacimba da Saúde, com apresentação de filme e oficina sobre saneamento básico, a cargo da equipe social do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), ligada à Secretaria Executiva de Infraestrutura e Serviços Urbanos.

Para esta segunda-feira (22), o Dia Mundial da Água, está marcada uma vistoria na área da Cacimba, seguida de coleta de larvas do mosquito Aedes aegypti e remoção de depósitos inservíveis, juntamente com atividade educativa em relação à dengue e à leishmaniose. As ações estão a cargo da Secretaria de Meio Ambiente, Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) e PAC social, e são direcionadas aos alunos da Escola Municipal Tilma Fernandes, que participam também da elaboração de cartazes com frases sobre a revitalização da Cacimba.

No mesmo dia, na Estação Natureza Pantanal, a Fundação O Boticário abre a mostra “Expoágua 2010: Água, Identidade e Cultura”, que estará aberta à visitação até o dia 24 de abril, no período das 9h às 12 horas e das 14h às 18 horas. No mesmo local, a ONG PNP lança o projeto “Quem Conhece Preserva”. No dia 27, das 14h às 18 horas, ocorre a apresentação de teatro interativo de fantoches, atividade aberta ao público.

Grande ato

O Dia Mundial da Água reserva, também para a segunda-feira, um grande ato no Centro de Convenções do Pantanal Miguel Gómez. A programação prevê para as 8 horas uma apresentação do Coral do Moinho Cultural; às 8h30, apresentação de slides dos desenhos das crianças que terão participado do concurso realizado pela Secretaria de Educação; às 8h40, a mensagem “A beleza de uma gota d’água”.

Estão programadas também apresentações sobre as ações desenvolvidas na região sobre o tema em questão, a cargo da secretária executiva de Meio Ambiente, Luciene Deová de Souza Assis, e do secretário executivo de Educação, Hélio de Lima, seguidas de uma apresentação cultural dos alunos da Rede Municipal e da Vale – Complexo Corumbá. Em seguida, ocorre o lançamento do concurso de imagens das regiões alagadas, que integram o Projeto Crianças das Águas, desenvolvido pela ONG ECOA, e a premiação dos participantes do concurso da Educação.

Outras duas palestras estão programadas para a segunda-feira. A primeira, às 9h30, é “Qualidade da Água na Bacia do Alto Paraguai”, com a pesquisadora Débora Calheiros, da Embrapa Pantanal, e a segunda é às 15h, “Interface entre Água e Turismo”, com Carlos Espíndola, da Fundação de Cultura e Turismo do Pantanal. No mesmo dia, o público terá a oportunidade de visitar a exposição sobre as ações da Marinha na proteção das águas jurisdicionais brasileiras, que fica aberta até as 18 horas.

Ainda na data, a partir das 8h30, no Moinho Cultural, ocorre a apresentação do teatro “Água como veículo de doença, uma triste noticia”, a cargo da equipe do CCZ. Às 10 horas e às 16h40, a palestra a “Água e suas Potencialidades Econômicas”, com técnicos do Instituto Homem Pantaneiro; às 10h15, apresentação de poesia; às 10h30, apresentação de Coral, e às 17 horas, apresentação de dança. Todas as atividades são abertas ao público.

Antônio Carlos – Subsecretaria de Comunicação Institucional