Prefeitura lança neste mês o Programa Minha Casa, Minha Vida

  Clóvis Neto
  

“Todos estão convidados a participar do programa”, enfatizou Ruiter

Uma parceria entre a Prefeitura de Corumbá, o Governo Federal e empresas privadas vai viabilizar a construção de novas unidades habitacionais na cidade. O programa, desenvolvido pela Secretaria Executiva de Habitação e Regularização Fundiária, vai beneficiar a população com rendimento superior a três salários mínimos mensais e deve ser anunciado nos próximos dias pelo prefeito Ruiter Cunha de Oliveira (PT).

“O objetivo é construir cerca de 1 mil casas para atender a este perfil da sociedade que até então não tinha nenhuma expectativa neste sentido”, afirmou Ruiter, na tarde de quarta-feira (16). “Com isto, estamos tentando absorver vários setores da sociedade, como os funcionários das mineradoras, servidores públicos das esferas municipal, estadual e federal e vários outros segmentos. Todos estão sendo convidados a participar deste processo”, continuou.

As unidades habitacionais serão subsidiadas pela União, via Caixa Econômica Federal, por meio do Programa Minha Casa, Minha Vida. Os financiamentos poderão ser feitos em até 25 anos. Além de doar a área, a prefeitura também vai oferecer às construtoras interessadas isenção de tributos municipais e a infra-estrutura urbana, como pavimentação das vias e drenagem.


O prefeito lembrou ainda do Programa de Auxílio Habitacional ao Servidor (PAHS), por meio do qual o Município paga até 50% do valor da prestação da casa, limitado a meio salário mínimo. “Para um imóvel de R$ 50 mil, por exemplo, financiado em 25 anos, a parcela é de R$ 280 por mês. Se o funcionário for efetivo, ele paga R$ 140 e o Município paga os outros R$ 140. No final, o servidor terá um imóvel de R$ 50 mil sob sua titularidade”, explicou.

Rodrigo Nascimento – Subsecretaria de Comunicação Institucional