Corumbá une forças para combater a dengue em toda a região

A Prefeitura de Corumbá prepara uma grande ação de janeiro a março de 2010 para o combate à dengue na região. Os trabalhos serão desenvolvidos em parceria com a Marinha do Brasil, Exército Brasileiro, Brigada de Combate a Incêndio no Pantanal  (Prevfogo) e alunos do Projovem Trabalhador e integrantes do projeto Se Essa Rua Fosse Minha. O lançamento será em 5 de janeiro, terça-feira da próxima semana.

“Será uma grande ação intensificada de combate à dengue durante todo o primeiro trimestre de 2010, que nos permitirá combater um dos maiores problemas de saúde pública”, anunciou o secretário Lamartine de Figueiredo Costa, destacando que a parceria estabelecida será fundamental para execução dos serviços que começam dia 5 e vão até 31 de março.

Para o período estão programadas ações educativas, manejo ambiental, bloqueio e controle químico e mecânico, retirada, queima de pneumáticos, trabalho de limpeza de terrenos baldios e difícil acesso. No dia 5 de janeiro será iniciado também o primeiro Levantamento Rápido de Índice de Infestação por Aedes aegypti (LIRAa) de 2010, que será importante para o desenvolvimento de todo o trabalho.

Viviane Ametlla, gerente de Vigilância em Saúde da Prefeitura, explica que a ação intensificada visa também despertar a consciência da população quanto à necessidade de se manter a cidade limpa e livre de reservatórios inservíveis, que no período de chuvas tendem a servir de depósitos propícios a ovo posição da fêmea do mosquito.

Os trabalhos serão desenvolvidos por 54 Agentes de Endemias, 02 grandes equipes de bloqueio mecânico composta por 18 agentes de endemias, 02 supervisores de bloqueio mecânico, 02 supervisores de borrifação, 02 supervisores gerais, 06 supervisores de área, 01 supervisor de difícil acesso/terrenos baldios, 02 agentes de endemias do setor de educação em saúde, 50 marinheiros, 40 soldados, 30 agentes do Prevfogo, e 30 estudantes do Projovem Trabalhador e 15 servidores do projeto Se Essa Rua Fosse Minha.

O suporte técnico e coordenação da ação estarão a cargo da Prefeitura Municipal, e os responsáveis pela elaboração, execução e aplicabilidade do projeto e cronograma de ação proposto serão o secretário Lamartine de Figueiredo Costa, de Ações Sociais; secretario executivo Lauther Serra, de Saúde Pública; pela gerente de Vigilância em Saúde, Viviane Campos Ametla; pela chefe do Centro de Controle de Zoonoses, Grace Kelly Valle Bastos, e pelo coordenador municipal de Controle de Vetores, Luiz Donizethe Minzão.

Antônio Carlos – Subsecretaria de Comunicação Institucional