Comitê discute ações e avanços na Fronteira Brasil/Bolívia

  Clóvis Neto
  

Reunião avaliou atividades realizadas conjuntamente entre as prefeituras de Corumbá, Ladário, Puerto Suárez e Puerto Quijarro

Saúde, segurança pública, cultura, transporte e economia. Estes foram os principais temas abordados na reunião do Comitê de Fronteira Brasil/Bolívia, realizada na manhã de hoje (26) no Centro de Convenções do Pantanal de Corumbá Miguel Goméz. “Nosso objetivo é retomar os assuntos debatidos nos encontros anteriores, avaliar o que avançou e o que ainda precisa ser melhorado”, explicou o secretário de Gestão Governamental, Cássio Augusto da Costa Marques, que representou o prefeito Ruiter Cunha de Oliveira (PT) no evento.

Cássio pontuou as atividades realizadas conjuntamente entre as prefeituras de Corumbá, Ladário, Puerto Suárez e Puerto Quijarro (ambas na Bolívia) ao longo do ano, destacando as ações de combate a doenças como dengue, raiva e leishmaniose. “Estamos entrando novamente no período crítico em relação às endemias, que é a época das chuvas. Ainda temos preocupações em função que alguns fatos ocorridos entre o fim de 2008 e o início de 2009, quando a região fronteiriça sofreu com um surto de dengue”, continuou.

Naquele período, agentes da Secretaria Executiva de Saúde Pública desenvolveram diversos trabalhos nas cidades bolivianas de fronteira, como o Levantamento de Índice Rápido de Infestação por Aedes aegypti (LIRAa), a capacitação adultos e crianças para combater a doença, e aplicação de fumacê. Além disso, a Secretaria de Desenvolvimento Integrado disponibilizou maquinários e mão de obra para a limpeza de terrenos onde foram encontrados mais focos.

Ações contra febre amarela, gripe suína (AH1N1), raiva e leishmaniose também foram executadas ao longo do ano na faixa de fronteira. “Somente por meio dessas reuniões, como a de hoje, conseguiremos resolver os problemas de nossa cidade e de nossa vizinhança”, completou o secretário.

Durante o encontro, o secretário executivo de Relações Institucionais, Carlos Porto, lembrou da Carta dos Municípios da Fronteira Pantaneira, entregue aos presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Evo Morales em janeiro deste ano, quando estes visitaram a região. O cônsul boliviano Juan Carlos Mérida Homero apontou o Comitê como um espaço propício ao diálogo e a construção de agendas de trabalho. “É um instrumento fundamental da coletividade”, afirmou.

Também participaram da reunião: o secretário de Ações Sociais, Lamartine de Figueiredo Costa, a secretária de Promoção da Cidadania, Maria Lúcia Ortiz Ribeiro, o secretário especial de Desenvolvimento Industrial e Econômico, Fermiano Yarzon, a secretária executiva de Meio Ambiente, Luciene Deová, o subsecretário de Serviços Públicos, Sérgio Baruki, o subsecretário de Ações da Cidadania, Arturo Ardaya, a superintendente de Cultura, Heloísa Urt, o comandante da Guarda Municipal, Fábio Catarinelli e representantes da Superintendência de Turismo, da Agência Municipal de Trânsito e Transporte (Agetrat) e do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ).

Rodrigo Nascimento – Subsecretaria de Comunicação Institucional