Prefeitura reforma unidades e constrói nova UBSF no Dom Bosco

  Gilson de Carvalho
  

ESF do Beira Rio mudou-se para a atual sede em meados de junho,
cuja reforma está em fase de conclusão

A Prefeitura de Corumbá está investindo na estruturação e ampliação da rede pública de saúde do Município. A Estratégia de Saúde da Família (ESF) do bairro Beira Rio mudou-se para a atual sede em meados de junho, cuja reforma está em fase de conclusão, e as obras devem terminar em um mês. Na Unidade Básica de Saúde da Família (UBSF) Ênio Cunha, na Cervejaria, as obras já começaram e devem ser entregues à comunidade ainda neste ano. As Unidades de Saúde do Aeroporto, Breno de Medeiros, São Bartolomeu e Kadiwéus também passarão por reformas, o que vai otimizar o atendimento nesses locais.

Já no bairro Dom Bosco, a UBSF que funcionava nas dependências da Escola agora atende provisoriamente na Alameda das Laranjeiras, número 170, próximo ao campo do Roseiral. O Município vai construir uma moderna unidade em um terreno doado pelos Salesianos, localizado na Rua Dom Aquino. O local contará com duas salas de consulta, farmácia, salas de inalação, esterilização, laboratório, expurgo, recepção e espera. Serão investidos cerca de R$ 350 mil na obra, que começa ainda neste ano.

Também neste ano, a Prefeitura pretende inaugurar o novo prédio do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) José Fragelli, com previsão para novembro. A moderna unidade vai funcionar na Rua 7 de Setembro, quase esquina com a Cabral. As obras estão em fase final de execução. No CAPS, os pacientes participam de oficinas terapêuticas e recebem acompanhamento clínico para reinserção social dos usuários, por meio do acesso ao trabalho, educação, lazer, exercício dos direitos civis, fortalecimento dos laços familiares e comunitários. Tanto o usuário quanto a família recebem atendimento psicológico.

A partir deste mês, a Secretaria Executiva de Saúde, pasta ligada às Secretarias de Ações Sociais, inicia a descentralização do agendamento para exames laboratoriais. O sistema será testado e, posteriormente, ampliado ao atendimento especializado, por meio da Central de Regulação, que será implantada no Município. Experimentalmente, o serviço será feito nas unidades do Fragelli e Kadméus e será expandido em seguida para todas as UBSFs da cidade.

Com a implantação do serviço, os usuários já sairão da unidade de seu bairro sabendo o dia, o horário e o local que irão coletar seus exames laboratoriais. Assim que o serviço for implantado, será feito o agendamento especializado, possibilitando que todos saiam das UBSFs sabendo em qual unidade serão consultados (CIS, Ladeira, Ambulatório, João de Brito e outras referências), o horário e o médico que os atenderão.

Rodrigo Nascimento – Subsecretaria de Comunicação Institucional