Prefeitura vai integrar comissão do IBGE para Censo de 2010

 Gilson de Carvalho

  
Reunião na Prefeitura permitiu discutir implantação da comissão

A Prefeitura Municipal terá representantes na Comissão Municipal de Geografia Estatística que dará apoio e monitoramento ao Censo Demográfico de 2010. O assunto foi discutido nesta quinta-feira, durante reunião no auditório da Prefeitura, entre representantes do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), com representantes do Poder Executivo.

Cássio Augusto da Costa Marques, secretário de Gestão Governamental, explicou que a Comissão Municipal será integrada por representantes de diferentes segmentos da sociedade. “Não será apenas do Poder Executivo. Os Poderes Legislativo e Judiciário, além de organizações civis também se farão representar nesta comissão, que será muito importante para os trabalhos que começam em agosto de 2010”, explicou.

O secretário destacou que a decisão do IBGE em formar as Comissões Municipais de Geografia e Estatística e as Comissões Censitárias Estaduais, serão importantes para acompanhar os trabalhos. “A orientação do nosso prefeito (Ruiter Cunha de Oliveira) é para apoiarmos esta iniciativa do IBGE, que produzirá efeitos positivos para o município”, disse, lembrando que, após conclusão dos trabalhos, a Prefeitura terá todas informações, não só referente a população, mas também com relação a dados sobre mapeamento do município, “importantes para estabelecimento de políticas públicas”.

A reunião foi comandada por Izabel de Paula Costa, coordenadora das Comissões Municipais, e por Mauro Jordão da Silva, coordenador técnico do Censo 2010 de Mato Grosso do Sul. Teve apoio de Sylvia Martinez Assad de Oliveira, que coordena a subárea de Corumbá. Durante o encontro, a equipe do IBGE explicou que as comissões vão colaborar para que o recenseamento local se efetive com êxito, criando facilidades para sua realização, seja através da mobilização da população ou de apoio na instalação dos postos de coleta, entre outras iniciativas.

O IBGE ressalta que, através dessa iniciativa, haverá maior transparência dos trabalhos, além de facilitar a operação censitária em diversas etapas desde a preparação até a coleta. A expectativa é de que seus membros se sintam atuando no interesse direto das suas comunidades e facilitem a caminhada do IBGE para realização do Censo 2010, de modo rápido e eficiente e, acima de tudo, com resultados fidedignos.

Izabel explicou que as comissões serão integradas por pessoas consideradas chaves no município. Além de representantes dos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, podem participar também líderes comunitários, bem como de empresas privadas e até da imprensa, fornecendo inclusive subsídios para atualização do mapeamento do município, bem como no auxílio da divulgação do processo seletivo para contratação de mão-de-obra e na montagem dos postos de coleta.

Antônio Carlos – Subsecretaria de Comunicação Institucional