Embarcações sucateadas devem ser retiradas da orla portuária

 Marcos Boaventura

  

 Embarcação inacabada está abandonada às margens do rio Paraguai 

A Prefeitura de Corumbá está dando prazo de 15 dias para proprietários retirarem as embarcações, na maioria sucateadas, que encontram-se abandonadas na área portuária do rio Paraguai. É o que informa o subsecretário de Serviços Públicos, Sérgio Baruki, alegando que, após este período, o Poder Executivo irá proceder a remoção para o depósito da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Integrado, localizada ao lado do Paço Municipal.

Segundo Baruki, estas embarcações, além de estarem sucateadas, são depósito de água, podendo causar problemas à saúde pública. “São focos em potencial principalmente do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue”, comentou.

Ele informa que agentes da ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) realizaram inspeção em toda a orla, constatando grande número de sucatas de embarcações. A Prefeitura, inclusive, já foi notificada para tomar as providências necessárias.

“Já providenciamos a limpeza, retirando entulho e outros materiais, como garrafas pets, do local. O passo seguinte será a retirada destas embarcações. Mas, antes de realizarmos este procedimento, estamos dando um prazo para os proprietários tomarem as devidas providências”, disse.