Projeto Envelhecer Sorrindo atende pacientes no Kadwéus

 Prefeitura de Corumbá

  

 Projeto Envelhecer Sorrindo começou ontem pelo Kadwéus

Pelo terceiro ano consecutivo, a Prefeitura Municipal está desenvolvendo o projeto Envelhecer Sorrindo, destinado à melhoria da saúde bucal dos idosos corumbaenses. A ação foi desencadeada nesta segunda-feira, 13, e vai até sexta, dia 17, na Unidade da Família Kadwéus, parte alta da cidade. Os serviços estão a cargo da Secretaria Executiva de Saúde Pública, ligada à pasta da Secretaria de Ações Sociais. A expectativa é atender cerca de 100 pessoas com idade acima de 60 anos no decorrer desta semana.

O projeto faz parte da Campanha de Adequação da Saúde Bucal para a Melhor Idade, iniciada em 2007, quando foram atendidos os internos do Asilo São José. No ano passado, os trabalhos aconteceram no Conviver e, este ano, foi levado para uma unidade de Saúde. A ação está sendo desenvolvida por equipes do Núcleo de Saúde Bucal e da Coordenadoria de Saúde do Idoso.

Ontem, segunda-feira, pela manhã, o secretário de Ações Sociais, Lamartine Figueiredo Costa, acompanhou o início dos trabalhos e destacou a importância desse programa, que já teve um grande avanço na cidade. “É o terceiro ano consecutivo e, com este trabalho, estamos levando atendimento às pessoas com idade acima de 60 anos”, disse.

O odontólogo Wagner Massaruá está à frente dos trabalhos. Ele é especialista no atendimento a pacientes especiais, com hipertensão, problemas cardíacos e diabetes, entre outros, bem como a crianças portadoras de deficiência, que freqüentam a APAE.

Ele explicou que estão sendo disponibilizados todos os procedimentos odontológicos, no entanto, os paciente com casos mais complexos (próteses, por exemplo), são encaminhados para o Centro de Especialidades Odontológicas (CEO), da rua Colombo. Os atendimentos são básicos, como obturações, pequenas cirurgias, extração, restaurações, raspagens, entre outros procedimentos.

O coordenador de Saúde Bucal da Prefeitura, Zacaria Yaya Omar, comemora o terceiro ano do projeto. Segundo ele, as ações estão promovendo a recuperação da auto-estima das pessoas com idade acima de 60 anos. Segundo ele, as pessoas atendidas estão também sendo orientadas sobre saúde bucal, principalmente sobre como fazer o auto-exame, entre outros procedimentos importantes para a saúde de cada um.

Para o secretário de saúde, Cléber Colleone, a ação iniciada em 2007, é importante e “garante melhor qualidade de vida às pessoas dessa faixa etária”. Explicou que o programa facilita o acesso aos serviços odontológicos.

Lamartine lembrou que, como dentista, a exemplo de Colleone, sabe da importância de se realizar procedimentos como os que estão ocorrendo esta semana, e por profissionais especialistas, como é o caso do dentista Wagner Massaruá. “Trata-se de um procedimento de maior complexidade e que necessita de uma atenção toda especial. É isto que está sendo disponibilizado às pessoas na Unidade do Kadwéus”, explicou.