Projeto de dança atende crianças do Projovem, em Corumbá

Parceria entre as secretarias executivas de Saúde Pública e de Assistência Social, ligadas à Secretaria Municipal de Ações Sociais, está possibilitando a implantação da cultura da dança para crianças e adolescentes do Projovem mantido pela Prefeitura de Corumbá, através dos Centros de Referência em Assistência Social (CRAS) I e II. As atividades serão iniciadas nesta terça-feira, 7 de abril, Dia Mundial da Saúde, com a aula inaugural na Academia de Dança, localizada na rua Colombo, entre a Major Gama e Sete de Setembro, às 14h.

O projeto, desenvolvido pela pasta da Saúde, vai atender 30 crianças do Projovem, 15 no período matutino e 15 no vespertino. Foi implementado com apoio da Assistência Social e das psicólogas responsáveis pelos CRAS I e CRAS II.

O projeto faz parte da estratégia adotada pelo Núcleo de Vigilância de DANT, da Gerência de Vigilância em Saúde, no sentido de fortalecer ações vinculadas a estímulo de Vigilância e Prevenção de Doenças e Agravos Não Transmissíveis (DANT), com ênfase nas ações relacionadas à estratégia global referente às práticas corporais e atividades físicas, dentro da Política Nacional de Promoção de Saúde.

Busca também estimular a participação juvenil, através de ações voltadas para a promoção, proteção e recuperação da saúde dos adolescentes e jovens, de forma a garantir uma atenção integral à saúde desta camada da população.

Segundo Lielza Molina, da Vigilância em Saúde, além de implementar a Política Nacional de Promoção da Saúde, esta parceria vista estimular a prática corporal/atividade física, bem como reduzir a morbimortalidade em decorrência do uso abusivo do álcool e outras drogas e estimular a prevenção da violência e estímulo à cultura de paz.

O projeto foi implementado a partir da seleção no edital de práticas corporais/atividade física lançado em 2006 pelo Ministério da Saúde. A proposta deste ano é realizar dois encontros semanais com os jovens e adolescentes, na Academia de Dança, sendo divididos nos períodos matutino e vespertino em grupos de 30 jovens. A cada três meses será realizado um tipo de dança com apresentação em diversos eventos realizado pela equipe responsável.