Cia Dançurbana apresenta o espetáculo “Urbanóides” no 6º FAS

Mesclando elementos do street e break dance – cultura hip hop – com o ballet clássico, a Companhia Dançurbana apresenta-se na programação Arte nas Ruas do 6º Festival América do Sul. Com o espetáculo “Urbanóides”, pretende levar ao festival toda a experimentação que resultou na dança hibrida e contemporânea da companhia desde sua criação em 2002.

O grupo é dirigido por Marcos Mattos e Kleber Leonn e nasceu do projeto “Arte Sim, Violência Não”, da Prefeitura Municipal de Campo Grande. “Vamos mostrar um espetáculo vivo, alegre, dinâmico e que exige dos bailarinos dedicação plena e esforço absoluto”, comenta Mattos.

Dentre suas apresentações, Mattos destaca o bom desempenho da Dançurbana durante o “9º Festival de Bonito” e na mostra competitiva do “7º Festival Internacional de Hip Hop de Curitiba”, onde esteve presente pela primeira vez, e mesmo assim, pode conquistar o 13º lugar, dentre todos os 30 grupos do Brasil e da América do Sul que estiveram presentes na capital paranaense em julho de 2008.

“O resultado foi surpreendente, afinal, o nível dos grupos é muito alto, contudo, podemos comprovar que a dança elaborada pela Dançurbana, criada em Campo Grande, está inserida entre o que há de melhor na América do Sul”, comemora Mattos.

A apresentação acontece nesta quinta-feira, 30, na Escola Estadual Júlia Gonçalves Passarinho (JGP), a partir das 19h. (Assessoria FAS)