Corumbá inicia campanha de vacinação contra raiva na segunda

 Arquivo PMC

  
Vacinação contra raiva começa pelo Universitário na segunda

A Prefeitura Municipal inicia na próxima segunda-feira, a primeira etapa da campanha de vacinação contra raiva animal em Corumbá. A ação será desencadeada pelo bairro Universitário e a previsão é imunizar cerca de 23 mil animais até o dia 6 de maio. A cidade não registra caso há oito meses. O último foi em julho de 2008. Mesmo assim, a imunização será de casa em casa, devido ao fato de que o vírus continua circulando na região, com dois casos já registrados em 2009, um em Puerto Suarez, Bolívia, e outro em Ladário.

A vacinação será realizada por equipes da Secretaria Executiva de Saúde Pública. Serão montadas 17 equipes, com três pessoas cada, para atender o bairro Universitário. Soldados do Exército Brasileiro vão reforçar o grupo. Vinte deles estão passando por treinamento no Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), que coordenará a imunização.

A gerente de Vigilância em Saúde da Prefeitura, Viviane Ametlla, informa que, por orientação do Ministério da Saúde, a vacinação terá que ser de casa em casa. “Com os dois casos registrados este ano em Ladário e Puerto Suarez, continuamos com o vírus circulando na região, o que não permite aglomeração de animais nos postos de vacinação”, explicou.

Além da imunização, a orientação é para reforçar o serviço de orientação popular através dos próprios agentes. Conforme o secretário de Saúde, Cleber Colleone, a população deve ser parceira na campanha, facilitando acesso dos imunizadores às residências, a exemplo de 2008, quando a estratégia foi adotada.

Colleone orienta os donos de animais para que fiquem atentos às mudanças de comportamentos de cães e gatos como agressividade ou retração, que são sintomas da raiva. Qualquer alteração pode ser comunicada ao CCZ pelo telefone 3233-2783.

Cronograma

O cronograma estabelecido pela secretaria prevê imunização de animais no Universitário, segunda-feira, dia 6 de abril. Na terça, dia 7, será no bairro Maria Leite; dia 8 no Centro América; dia 9 no Previsul; dia 10 no Industrial; dias 11, 13 e 14 no Cristo Redentor; dia 15 no Guatós; dias 16 e 17 na Nova Corumbá; dia 18 no Guarani; dia 20 no Jardim dos Estados; dias 21, 22, 23 e 24 na Popular Velha; dias 25 e 27 no Nossa Senhora de Fátima; dias 28 e 29 no Aeroporto; dias 30 abril e 01 de maio no Dom Bosco; dia 02 no Generoso; dia 04 no Arthur Marinho; dia 05 na Cervejaria e Beira Rio, encerrando no dia 06 de maio, no centro da cidade.

Outra informação é que Ladário também inicia sua campanha de vacinação em abril. Também será um trabalho de casa em casa, desenvolvido por agentes da própria Prefeitura ladarense. Viviane Ametlla destaca que, posteriormente, a campanha, em Corumbá, vai para a zona rural. Ações também estão previstas para as duas cidades bolivianas de Puerto Quijarro e Puerto Suarez, que fazem fronteira com Corumbá.

Corumbá não registra raiva desde julho de 2008. No ano passado foram cinco casos. O combate à doença foi um dos temas tratado na semana passada durante o II Encontro Sobre Vigilância, Prevenção e Controle de Zoonoses e Emergências Zoosanitárias em Áreas Transfronteiriças, realizado em Corumbá, promovido pela Prefeitura Municipal.

O evento contou com participação de autoridades do município; da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS); Ministério da Saúde do Brasil e da Bolívia; Secretaria de Estado de Saúde de Mato Grosso do Sul; SEDES de Santa Cruz – Bolívia; Secretarias/Serviços de Zoonoses dos municípios de Corumbá e Ladário/Brasil e Puerto Soares, Puerto Quijarro e El Carmen/Província de German Busch/Bolívia.