Italianos apresentam projeto de horta comunitária para escolas

 Prefeitura de Corumbá

  

 Apresentação detalhou projeto desenvolvido em escolas italianas

A Prefeitura de Corumbá conheceu, na manhã desta terça-feira, 10 de fevereiro, o projeto italiano “Horta Orgânica Comunitária” – Orto in Condotta, nome original –, desenvolvido pela Prefeitura de Pisa, cidade localizada na região da Toscana, norte da Itália. Três técnicos daquele país apresentaram detalhes do programa, que já envolve 35 escolas da comunidade italiana. A apresentação foi realizada na escola Cidade Dom Bosco.

O “Horta Orgânica Comunitária” trabalha, com estudantes na faixa etária de 5 a 14 anos, conceitos ligados diretamente ao alimento e meio ambiente e que estimulam a educação sensorial; educação ambiental e a cultura da alimentação.

Marco Pacini, um dos integrantes da comitiva italiana, explicou que o sistema adotado permite aos participantes “valorizar as etapas do processo de produção até o consumo final”. Pacini destacou que o projeto ainda “ensina a ter respeito pelo meio ambiente e natureza”.

A proposta italiana é bastante simples e além de ensinar às crianças sobre a importância do trabalho com a terra, permite a interação multidisciplinar. “De acordo com a idade, as crianças fazem desenhos ou escrevem redações”, exemplificou Alessandro Croti, agrônomo italiano que ao lado de Pacini e da professora Giulia Pisani divulgam o projeto europeu.

Sandra Araújo de Barros, gestora de projetos sociais da Secretaria Especial de Integração das Políticas Sociai, informou que a Prefeitura articula a busca de parceiros e estuda a viabilidade de implantação da proposta na cidade. A gestora de relações institucionais, Eulina de Medeiros Marques, informou que uma reunião na próxima sexta-feira vai discutir o projeto italiano. A comitiva italiana conhece, na tarde desta terça-feira, a Estação Experimental do Campo, no assentamento Taquaral.

Acompanharam a apresentação a secretária Executiva de Meio Ambiente, Luciene Deová, e representantes das Secretarias de Meio Ambiente; Assistência Social; Educação; Embrapa e Cidade Dom Bosco.