Galileu será o Centro de Atendimento ao Turista de Corumbá

 Arquivo PMC

  
Prédio já passou por reformas emergenciais e agora será revitalizado pelo município através do Monumenta

O prédio do antigo e histórico Hotel Galileu será transformando no novo Centro de Atendimento ao Turista de Corumbá. A decisão foi tomada pelo prefeito Ruiter Cunha de Oliveira (PT), que viabilizou junto ao Governo Federal, recursos para obras de recuperação da antiga edificação, que serão iniciadas após o carnaval. No local serão investidos R$ 511.555,85, recursos oriundos do Ministério do Turismo, com contrapartida da Prefeitura Municipal, no valor de R$ 82,5 mil.

O processo licitatório já foi concluído, inclusive com a sua homologação publicada no Diário Oficial da União na última segunda-feira, dia 9 de fevereiro. Conforme o secretário executivo de Infraestrutura, engenheiro Ricardo Ametlla, o passo seguinte será a assinatura do contrato com a empresa vencedora da licitação. “Logo que isto aconteça, o prefeito Ruiter autorizará início das obras, com a assinatura da ordem de serviço”, argumentou.

A empresa que executará serviços é a Marco Arquitetura, Engenharia, Construção de Comércio Ltda, responsável pelas restaurações e recuperações do prédio Sleiman, onde hoje funciona a Estação Natureza, da Fundação O Boticário; prédio Wanderley Bais, sede do Museu de História do Pantanal; Casa da Alfandega, onde hoje funciona o IPHAN.

Além disso, está trabalhando na restauração e recuperação da Casa Vasquez, e da Casa Tamandaré, ao lado do antigo posto da Alfândega, considerado o mais antigo mobiliário do conhecido Casario do Porto, construído em 1882.

No próprio Hotel Galileu, a empresa já desenvolveu serviços, contratada pelo IPHAN, numa parceria com a Prefeitura. Na época, fez recuperações emergenciais da parte estrutural. “Agora, será um trabalho mais completo, através da restauração da parte interna do prédio”, diz o arquiteto José Marcos da Fonseca, lembrando que, após conclusão, o prédio estará dotado de todas as condições para ser transformado no Centro de Atendimento ao Turista.

Construído em 1907 pelo arquiteto italiano Fernando Mármore, o histórico hotel, situado na esquina da Avenida General Rondon com a rua Frei Mariano, recebeu uma reforma emergencial para impedir desabamentos que poderiam comprometer sua estrutura. Foram investidos R$ 370 mil na recuperação de fachadas, telhado e esquadrias.

Edificado em estilo eclético, variando entre o neoclássico ao art-noveau, o imóvel embeleza o conjunto arquitetônico, com vista privilegiada para o rio Paraguai e o Pantanal, após sua revitalização, será transformado em um Centro de Atendimento ao Turista (CAT). O novo projeto vai recuperar o piso, forro, portas, paredes e instalações hidráulicas e elétricas, respeitando a estrutura e a forma original do local.

Internacional

Outra decisão do prefeito Ruiter diz respeito ao Hotel Internacional, localizado ao lado do Galileu, na rua Frei Mariano. Segundo o secretário de Gestão Governamental, Cássio Augusto da Costa Marques, por orientação do chefe do executivo municipal, Corumbá já está vialibilizando recursos para a recuperação do prédio, que também faz parte do patrimônio histórico e cultural da cidade.