Diretoria da Fiems conhece infraestrutura corumbaense

No encontro com a diretoria da Federação das Indústrias de Mato Grosso do Sul (Fiems) nesta terça-feira, a Prefeitura de Corumbá apresentou um balanço da infraestrutura disponível atualmente no município, com vistas à implantação da Zona de Processamento de Exportação (ZPE).

O relatório foi apresentado pelo secretário especial de Desenvolvimento Industrial e Econômico, Firmiano Yarzon. Ele falou sobre a logística, industrialização e as vantagens da criação da ZPE, zona franca que vai funcionar como pólo concentrador de carga para atender a demanda de exportação das mineradoras, da Bolívia e de todo o Estado.

“Hoje são dez mineradoras, mas apenas duas tem porto. Se hoje a capacidade de produção dessas mineradoras é de 4 milhões de toneladas por ano, só com o projeto de expansão da MMX, serão cerca de 30 toneladas ao ano e sem porto para exportar”, ressalta Yarzon, chamando a atenção para a necessidade de retomada do projeto da ZPE imediatamente.

Para Yarzon são necessárias duas medidas pontuais. Resposta do Governo do Estado sobre a reestruturação da empresa administradora (Codems), que já existe e foi constituída por meio de licitação na década de 90, e elaborar um plano diretor para os investimentos.

Novo encontro deve acontecer dentro de 30 dias. Segundo o secretário Cássio Augusto da Costa Marques, a Prefeitura vai aguardar respostas do Governo do Estado e da própria Fiems visando um novo encontro, quando serão traçadas ações para implantação definitiva da ZPE. (Com informações da Fiems)