Corumbá tem novo juiz da Vara Especial Civil e Criminal

 Prefeitura de Corumbá
  

 O juiz Emerson Ricardo Fernandes e o procurador-geral do Município, Marcelo Dantas

O juiz Emerson Ricardo Fernandes assumiu no final da tarde de ontem a Vara do Juizado Especial Civil e Criminal de Corumbá. A solenidade aconteceu na sala do Tribunal do Júri da comarca. “Chego com a vontade de contribuir para fazer de Corumbá uma cidade cada vez melhor”, declarou o magistrado em seu discurso de posse.

Com a chegada de Emerson Fernandes, Corumbá passa a ter sete juízes para sete Varas já instaladas. Segundo o juiz Eduardo Eugênio Siravegna Júnior, diretor do Fórum, o aumento só foi possível graças à mudança para o novo prédio. “Essa era uma das exigências que o Tribunal de Justiça havia colocado. O prédio antigo não suportava a implantação de mais uma Vara”, declarou.

O novo Fórum de Corumbá foi inaugurado em outubro de 2008 pelo presidente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul (TJ-MS), João Carlos Brandes Garcia, e pelo prefeito Ruiter Cunha de Oliveira. A Prefeitura de Corumbá investiu R$ 1 milhão em recursos próprios na obra. O local tem espaço físico suficiente para abrigar até 10 Varas.

Melhorias

O procurador-geral do município, Marcelo Dantas, que representou o prefeito Ruiter na cerimônia, afirmou que a chegada do novo magistrado vai beneficiar principalmente a população mais carente. “A Vara do Juizado Especial Civil e Criminal de Corumbá.atende principalmente a população mais carente. Por isso a administração pública dará todo apoio necessário ao juiz Emerson Fernandes.”

Também presente na cerimônia, o prefeito de Ladário, José Antônio Assad e Faria (PT), destacou que a medida vai agilizar a justiça na região. “Para a população de Corumbá e Ladário essa efetivação da 7ª Vara é um benefício muito grande porque deixa o Poder Judiciário muito mais ágil”, declarou.

Segundo José Antônio, o próximo desafio agora é a implantação da 8ª Vara. “Temos que buscar mais essa ampliação, pois a 8ª Vara ai tratar de um segmento muito importante em nossa região, que é a Infância e Juventude”, completou.

De acordo com o juiz Eduardo Siravegna Júnior, a possibilidade da 8ª Vara ser implantada ainda neste ano é grande. “Depende apenas de uma decisão técnica do Tribunal de Justiça”, afirmou. Com a chegada do juiz Emerson Ricardo Fernandes, Siravegna, que acumula duas Varas, passa a responder apenas pela Vara de Fazenda Pública e Registros.

O secretário executivo de Relações Institucionais de Corumbá, Carlos Porto, participou da cerimônia.