Comissão intersetorial discute protocolo de combate à violência

 Prefeitura de Corumbá

  

 Comissão trabalha quatro eixos estratégicos para atuação

A Comissão Intersetorial de Atenção a Pessoas em Situação de Violência está reunida para discutir a revisão e finalização do protocolo da Rede Intersetorial de Atenção a Pessoas em Situação de Violência. A reunião acontece na tarde de hoje, 20 de janeiro, na Secretaria Executiva de Saúde Pública, que fica na sede do Paço Municipal. A Comissão foi instituída pelo prefeito Ruiter Cunha de Oliveira por meio de decreto.

Coordenada pela Secretaria Executiva de Saúde Pública, a Comissão desenvolve o trabalho com base nos seguintes eixos estratégicos: Mobilização e Articulação; Defesa e Responsabilização; Prevenção; Atendimento. O protocolo deve estar em pleno funcionamento até o final de fevereiro deste ano. A Comissão conta com participação de representantes dos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, em todas suas esferas.

O eixo da Mobilização e Articulação objetiva a integração dos atores ligados ao Protocolo visando obtenção de maior envolvimento e participação deles na busca de ações comuns na atenção de pessoas em situação de violência. A questão relacionada à Defesa e Responsabilização procura a garantia da aplicação das leis para vítimas de violência.

No que tange à Prevenção, a Comissão trabalha a promoção do acesso às informações sobre os tipos de violência e suas implicações. Por fim, o eixo do Atendimento tem como finalidade estabelecer normas viáveis e estratégicas para atender as pessoas em estado de vitimização.

Na reunião desta terça-feira foram definidas datas das reuniões semanais do grupo de trabalho, até a primeira quinzena de fevereiro. Também são debatidas as bases do Protocolo e a divisão de trabalho.

Nos links abaixo, o edital e o Protocolo da Rede:

http://www.corumba.ms.gov.br/downloads/COMINTERVIOL.pdf

http://www.corumba.ms.gov.br/downloads/ProtocoloSAUDE.pdf