Produtores têm até dia 20 para informar vacinação à Iagro

A segunda etapa da vacinação contra febre aftosa no Pantanal terminou na última sexta-feira (5). Contudo, os pecuaristas têm até dia 20 para informar os dados da vacinação para a Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro).

Pelo último dado divulgado sobre a vacinação no Pantanal, haviam sido vendidas 772 mil doses de vacina, um acréscimo de 3% sobre o total esperado, por conta da época de nascimentos no rebanho. O Estado possui aproximadamente 21 milhões de cabeças de gado, sendo a maior parte na região do Planalto (16 milhões) que terminou a segunda etapa de vacinação no dia 20 de outubro.

Na Zona de Alta Vigilância, o período segue até dia 20. Em municípios como Japorã, Mundo Novo e Caracol, a vacinação – que é realizada pelos técnicos da Iagro – deve ser concluída ainda nesta terça-feira (9). Até sexta-feira (12), Sete Quedas, Paranhos, Coronel Sapucaia e Antonio João também deverão terminar a aplicação das doses.

“Com isso, ficam Bela Vista, Porto Murtinho e Corumbá para terminar de vacinar o rebanho. Como o ritmo tem sido satisfatório, não há dúvida de que concluiremos a vacinação no dia 20”, antecipa Roberto Rachid Bacha, diretor-presidente da Iagro.

O registro da vacinação é feito por meio do sistema Saniagro. Por ser informatizado e disponível via Internet, o ato de registrar o rebanho informado não se restringe aos escritórios da Iagro no interior do Estado.

Ao adquirir as doses da vacina nas revendas, o produtor recebe a guia ST-13, para informar os dados do rebanho, como espécie, quantidade e sexo. O produtor que não vacina e também os que não informam são considerados ausentes.

Com isso, o pecuarista pode receber multa, que tem valor variável, e sua propriedade pode ser interditada para medidas sanitárias, como, por exemplo, ter a participação de um fiscal da Iagro nas próximas campanhas de vacinação. Mais informações sobre como efetuar o registro do rebanho pelo telefone 0800 647 6713. (Segov)