Índice de infestação do Aedes cai, mas saúde continua em alerta

Levantamento do Índice Rápido de Infestação por Aedes Aegypti (LIRAa) realizado em Corumbá no mês de outubro, apontou queda no índice de proliferação do Aedes Aegypti, mosquito transmissor da dengue. Conforme informações da Secretaria Executiva de Saúde Pública da Prefeitura Municipal, a incidência foi de 0,5%, abaixo do aceitável pela Organização Mundial de Saúde, que é de até 1,0%.

Apesar da queda em relação a setembro, quando ficou com 1,4%, o alerta continua em Corumbá. Segundo Viviane Ametlla, gerente de vigilância em saúde, a redução não é motivo para comemorações. “Temos que nos manter em alerta mesmo porque, o LIRAa foi realizado antes de iniciar este período de chuva. Todos nós sabemos que, nesta época, a proliferação do mosquito é maior e todo cuidado é pouco”, explicou.

Outra informação importante é que o LIRAa é realizado por amostragem em quatro grandes regiões da cidade. Em uma delas, o centro, ficou em 1,1%. Nas demais áreas, a incidência ficou entre zero e 0,8%. “Isto se deve também à população que demonstra estar mais consciente sobre a necessidade de manter seus quintais limpos, livres de material que possa acumular água. Mas, não podemos descansar quanto a esses índices, principalmente pelo fato de que o período chuvoso começou agora”, informou Viviane.

Ela explicou também que, no centro, área de maior incidência, foram detectados alguns pontos cruciais para a proliferação do mosquito. São calhas, vasos, ralos, vasos sanitários e caixas de água sem tampa.

Imóveis fechados

Na manhã de hoje, quarta-feira, integrantes da equipe da Secretaria de Saúde estabeleceu algumas estratégias que serão adotadas para o combate à dengue. Viviane explicou que uma delas será jornada de trabalho diferenciada de agentes de endemias, para cobrir os imóveis que sempre são encontrados fechados durante o dia. É que, na maioria, os proprietários estão trabalhando. Dessa forma, a ação deverá acontecer a partir das 17h, ou mesmo aos domingos.

A gerente explicou também que o Dia D de combate à dengue acontece no dia 21 de novembro, uma sexta-feira, com a realização de uma gincana entre alunos das escolas de Corumbá. Será a partir das 07h30, no ginásio poliesportivo.

A idéia é, mais uma vez, contar com a participação das crianças na luta contra esta doença, evitando assim, uma possível epidemia na cidade. “Esta parceria já deu resultados em anos anteriores e, através da realização da gincana, vamos buscar a conscientização das crianças sobre a necessidade de se eliminar focos de proliferação do mosquito”, informa Viviane.

Com 50 casos confirmados este ano, o setor de saúde da Prefeitura, além das campanhas normais incrementou um comitê, integrado por representantes de vários setores da administração púbica, entre elas Infra-Estrutura, Procuradoria Geral, Assistência Social, Educação, Vigilância Sanitária, para traçar estratégias de prevenção à dengue, além de definir um plano de contingência como forma de conter aumento do índice de proliferação do mosquito.