Comissão do Senado aprova empréstimo para Corumbá

 Prefeitura de Corumbá

  
Na Popular Nova, drenagem em execução. Asfalto será em seguida

A Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) aprovou nesta terça-feira (7) um pedido de contratação, feito pela Prefeitura de Corumbá, de financiamento no valor de US$ 3,2 milhões a ser contratado junto ao Fundo Financeiro para o Desenvolvimento da Bacia do Prata (Fonplata). O senador Renato Casagrande (PSB-ES), relator da matéria, apresentou parecer favorável à solicitação.

O empréstimo visa complementar o financiamento do Projeto de Melhoria e Expansão da Infra-Estrutura Urbana de Corumbá – Projeto Corupah. Conforme explicou Casagrande em seu parecer, serão financiadas ações para melhorar as condições sanitárias e ambientais do município, reduzindo danos provocados em casos de inundações – situação enfrentada pela localidade em anos anteriores.

O projeto de financiamento junto ao Fonplata, idealizado pelo prefeito Ruiter Cunha de Oliveira, será fundamental para obras de pavimentação asfáltica em vários bairros da cidade. Antes de tramitar no Senado, ele foi aprovado pela Secretaria do Tesouro Nacional e encaminhado mais tarde pelo presidente Luis Inácio Lula da Silva. É o último passo para Corumbá contrair este empréstimo.

O recurso será aplicado em obras de pavimentação asfáltica nos bairros Popular Velha, Popular Nova, Cristo Redentor e Jardim dos Estados, garantindo implantação de 92 mil metros quadrados de asfalto, cerca de 60 quadras.

Em um dos bairros beneficiados, a Popular Nova, a Prefeitura já está executando obras de drenagem para eliminar os riscos de inundações, comuns em períodos de chuvas. No local estão sendo investidos R$ 1.018.500,00 (R$ 970.000,00 repassados pela Caixa Econômica Federal, e R$ 48.500,00 como contrapartida da Prefeitura). Os recursos vão garantir execução de seis quilômetros de drenagem, profundas em alguns trechos, preparando as ruas para o asfalto.

A drenagem na Popular Nova é uma seqüência dos serviços executados pela Prefeitura, no bairro Nossa Senhora de Fátima, rua Luis Feitosa Rodrigues. Esta rede será responsável pela captação de toda a água que desce da região de morraria, no sentido centro, responsável por inundações de residências não só na Popular, mas também no Nossa Senhora de Fátima.

Os recursos para a drenagem foram garantidos pelo deputado estadual Paulo Duarte, através de uma articulação com o ministro do Planejamento, Paulo Bernardo. O projeto foi incluído no Programa de Prevenção e Preparação para Emergências e Desastres.