Pacto transfronteiriço tem reunião em Puerto Suarez

Dando continuidade a discussão de temas comuns que envolvem as comunidades brasileiras e bolivianas situadas na região, como parte do acordo transfronteiriço firmado em maio, será realizada nesta sexta-feira, 1º de agosto, mais uma reunião de trabalho envolvendo autoridades e técnicos de Corumbá, Puerto Quijarro e Puerto Suarez.

O encontro será aberto às 8h30 e contará com as presenças de prefeitos da região fronteiriça. Durante todo o dia, as comissões formadas por autoridades e técnicos corumbaenses e bolivianos darão seqüência a discussão do diagnóstico da região.

Em maio foi assinado uma carta de intenções dos municípios pantaneiros da fronteira Brasil-Bolívia, com a anuência do governo brasileiro. O acordo visa a execução de plano de execução de ações para enfrentamento dos problemas emergenciais de forma conjunta, objetivando garantir o desenvolvimento sustentável da região.

Conclusão

A iniciativa fortalece a integração de fato da fronteira, por meio da intervenção da gestão pública na busca de soluções concretas para problemas comuns que afligem brasileiros e bolivianos. A carta estabelece quatro temas prioritários: desenvolvimento social e serviços básicos, economia e produção, segurança pública e política migratória e gestão dos recursos naturais.

O secretário municipal de Relações Institucionais e de Turismo, Carlos Porto, um dos coordenadores de Corumbá na condução dos trabalhos, informou que a conclusão do diagnóstico sócio-econômico e ambiental da região será apresentado em novembro, com proposta final para aplicação de projetos integrados. As oficinas das comissões seguirão em Corumbá e nas cidades bolivianas.