Corumbá contribui para implantação do CMDCA em Tocantins

A atuação do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) de Corumbá servirá de modelo para a implantação do Conselho da cidade de Xambioá, no Tocantins. No próximo dia 29, a presidente do órgão corumbaense, Elizabeth Assad Fontenelle, estará em Xambioá para prestar consultoria a uma equipe da empresa Votorantim, que está dando suporte técnico aos trabalhos, através do Programa VIA.

O programa VIA Votorantim foi elaborado em 2006 pelo Instituto Votorantim e integra e alinha todas as destinações do grupo ao Fundo dos Direitos da Criança e do Adolescente (FIA) que, através de mecanismos instituído pelo Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), estimula os contribuintes a direcionar parte do Imposto de Renda devido, aos programas e projetos de atenção aos direitos da criança e do adolescentes.

O Via Votorantim tem como princípios melhorar a qualidade de vida de crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade e fortalecer as estruturas de gestão dos Conselhos e Fundos, contribuindo para a plena implantação do ECA. Para a escolha dos municípios beneficiados são utilizados o IDI (Índice de Desenvolvimento Infantil), do Unicef, e o IES (Índice de Exclusão Social). A prioridade é para cidades estratégicas para o Grupo Votorantim.

Elizabeth, que é gerente de Políticas da Assistência Social, da Secretaria Executiva de Assistência Social de Corumbá, informou que o convite partiu da própria Votorantim e que isto “demonstra o reconhecimento do trabalho que o CMCDA de Corumbá vem desenvolvendo em nosso município”.