Prefeitura investe R$ 750 mil na remodelação do Arthur Marinho

 Prefeitura de Corumbá

  
Obras iniciadas pela parte interna da arquibancada descoberta

A Prefeitura de Corumbá está investindo R$ 750 mil nas obras de remodelação do Estádio Arthur Marinho. Os serviços já foram iniciados e as intervenções acontecem na parte interna da arquibancada descoberta. O projeto prevê melhorias em todos os setores da praça esportiva, com a recuperação da estrutura física, hidráulica, elétrica e pintura dos banheiros e vestiários, bem como dos bares, salas, cabines de rádio e fachada, nesta etapa.

Conforme cronograma definido pelo prefeito Ruiter Cunha de Oliveira, logo após estes serviços, serão instaladas cinco mil cadeiras de acrílico nas arquibancadas coberta e descoberta, para maior conforto do torcedor. Prevê inclusive cobertura da descoberta, em uma terceira etapa.

Esta é a segunda etapa dos serviços. Antes, para deixar o estádio em condições de abrigar jogos do Campeonato Estadual, a Prefeitura já havia investido R$ 120 mil. Do total, R$ 750 mil, R$ 450 mil são recursos próprios do Município e R$ 300 mil da Brasil Telecom, cujo patrocínio foi intermediado pelo senador Delcídio do Amaral (PT/MS). A retomada das obras foi anunciada pelo prefeito Ruiter Cunha durante visita na semana passada ao ginásio poliesportivo Lucílio de Medeiros, que também está em reformas.

Segundo o secretário de Desenvolvimento Sustentável, Ricardo de Campos Ametlla, projeto de remodelação será executado durante dez meses. Prevê inclusive  a troca do gramado e implantação de moderno sistema de irrigação automatizado, cuja conclusão ocorrerá antes do início da próxima temporada do futebol profissional.

O gramado do estádio será ampliado para a dimensão padrão de 100 metros x 65 metros. As quatro torres de iluminação receberão instalações modernas e está previsto a implantação de um placar eletrônico. As salas situadas abaixo das arquibancadas serão adaptadas para funcionar como sede de entidades esportivas.

O estádio abrigará também projetos sociais que serão desenvolvidos para comunidades de baixa renda, com a realização de cursos de capacitação; palestras e formação esportiva dos crianças e jovens corumbaenses por meio de escolinhas.