Notícias Notícias

 

Em inauguração, Marcelo Iunes pede ao Estado maior efetivo policial em Corumbá

07 de Dezembro de 2017 - 10h54

Prefeito ressaltou as ações realizadas pelo Governo do Estado no município (Foto: Gisele Ribeiro/PMC) Prefeito ressaltou as ações realizadas pelo Governo do Estado no município (Foto: Gisele Ribeiro/PMC)

O prefeito Marcelo Iunes participou na manhã desta quinta-feira, 06 de dezembro, da solenidade de entrega da obra de reestruturação e ampliação do anexo III do Estabelecimento Penal de Corumbá. A cerimônia trouxe ao município o secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública, José Carlos Barbosa, e o diretor-presidente da Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário de Mato Grosso do Sul (Agepen), Aud de Oliveira Chaves.

 

Num breve discurso, o prefeito ressaltou as ações realizadas pelo Governo do Estado no município. “O Governo do Estado está investindo muito em Corumbá, que está entrando numa rota de desenvolvimento graças a essa parceria com o governador Reinaldo Azambuja. Tenho certeza que ele vai ajudar muito mais”, disse Iunes.

 

O chefe do Executivo corumbaense ainda destacou a necessidade de ampliação do efetivo policial no município. Para ele, a cidade localizada numa zona fronteiriça e com população aproximada de 110 mil habitantes, precisa de maior número de policiais e, consequentemente, de equipamentos.

 

“Temos que garantir segurança na cidade, o que refletirá numa redução no ingresso de infratores no presídio para cumprir pena. Há necessidade de aumento no efetivo, vai haver o concurso, mas até a abertura e convocação dos aprovados, que haja a cedência de policiais para atuar em Corumbá”, afirmou o prefeito ao ressaltar que algumas cidades – com população menor que Corumbá – têm efetivo maior que o do 6º Batalhão da Polícia Militar.

 

Marcelo Iunes ainda reforçou que o concurso público a ser aberto pelo Estado para preenchimento de vagas nos quadros policias sul-mato-grossenses precisa garantir que uma parte desse pessoal atue efetivamente em Corumbá. “Há necessidade de pessoal. Que esses policiais fiquem aqui e não sejam removidos para outras cidades passado o período de estágio probatório”, completou o prefeito. “O Governo do Estado está investindo muito em Corumbá, que está  entrando numa rota de desenvolvimento graças a essa parceria com o governador Reinaldo Azambuja. Tenho certeza que ele vai ajudar muito mais”.

 

O secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública, José Carlos Barbosa, esclareceu que o Estado trabalha para ampliar o efetivo policial nas cidades de Corumbá e Ladário. “Concordo que 130 policiais militares para Corumbá é um efetivo muito pequeno. Na próxima semana iniciamos aqui o curso de formação de cabos. Corumbá receberá em torno de 40 policiais militares que devem ficar aqui por até quatro meses, realizando o curso e atuando”, afirmou. Barbosa antecipou que o Governo ainda prevê a realização de concurso público para as Polícias e o retorno da atuação do Departamento de Operações de Fronteira (DOF) na cidade.


O anexo inaugurado

 

O anexo foi inaugurado há três anos junto com a obra de reforma geral do presídio. O anexo tinha 95 vagas iniciais, mas a obra original necessitou de readequação para atender às necessidades de segurança da unidade prisional. Com as readequações, o espaço também teve o número de vagas ampliado para 130. A ativação deste anexo elevou em 57% a capacidade da penitenciária masculina de Corumbá, saltando de 228 para 358.

 

Também foi oficializada a ativação da sala de videoconferência judicial da Penitenciária Masculina de Corumbá, bem como do presídio feminino do município, atendendo ao pedido da Vara de Execução da Comarca, que é parceira na ativação desses setores nas duas unidades prisionais. Com informações do Portal do MS.


Voltar Imprimir Enviar Por Email

Notícias Outras Notícias

 

Campanhas Campanhas

 
Ouvidoria Geral
216-banner-ouvidoria-01